Spirulina – O Que é, Benefícios, Como Usar

Saiba aqui o que é e como usar a Spirulina.

Carnaval chegou ao fim e sempre bate aquela ressaca pós-bebedeira ou excesso de comida, já que para muitos aqui no Brasil, o ano realmente começa após o carnaval.

Diante disso, academias lotam, pistas de ciclismo, caminhadas e corridas ganham um fluxo constante de pessoas que procuram eliminar os quilos extras adquiridos do natal, ano novo e carnaval.

Mas o que muitos esquecem é que, no início, a alimentação que deve ser mudada. Portanto, se você estiver fazendo uma lista de compras, pare agora e inclua a Spirulina em sua lista. Esta cianobactéria tem sido considerada um “superalimento” por muitos especialistas.

Então nesse post, você conhecerá mais a respeito desse superalimento, suas características, benefícios e como usá-la em diversas receitas.

O que é uma cianobactéria?

A Spirulina ou “alga azul” é uma cianobactéria. Mas afinal, o que é isso?

Para isso, devemos nos lembrar das aulas de biologia do ensino médio. Se vocês não se lembram, tranquilo, nós damos as respostas hehe.

As cianobactérias são basicamente microrganismos que realizam fotossíntese (aquele mesmo processo que as plantas realizam lembram?), no entanto elas não apresentam cloroplastos, o que faz com que elas sejam comparadas com algas e bactérias.

Muitas cianobactérias se encontram majoritariamente no meio aquático, principalmente água doce e formam o chamado fitoplâncton, constituindo a base da cadeia alimentar nesse ecossistema.

O que faz a Spirulina ser tão especial? Quais seus benefícios?

Muitas cianobactérias produzem substâncias tóxicas, no entanto, a Spirulina é a “diferentona” de seu grupo.

A Spirulina é uma cianobactéria com formato espiral (por isso ela possui esse nome) e cresce em lagos tropicais e subtropicais, principalmente em rios ou lagos com pH alcalino (entre 7 e 8), e aqui no país um local onde ela pode se desenvolver tranquilamente é no Pantanal.

Seus benefícios incluem:

  • Auxilia no tratamento da osteoporose;
  • Prevenção do envelhecimento precoce;
  • Contém mais de 50 nutrientes importantes para o nosso organismo segundo a OMS (Organização Mundial da Saúde) sendo eles:

    1. Proteína;
    2. Aminoácidos;
    3. Vitamina A;
    4. Vitaminas do Complexo B;
    5. Vitamina E;
    6. Minerais;
    7. Ácidos fenólicos.
    8. Carboidratos;
  • Aos praticantes de atividades físicas intensas tais como musculação, crossfit, artes marciais, entre outras, a Spirulina é uma poderosa fonte de proteínas, pois ela é composta por cerca de 70% de proteínas, possuindo mais proteínas do que a carne vermelha. Outro benefício para praticantes de atividades físicas intensas presente na Spirulina é que ela diminui a fadiga, aumenta a resistência e força muscular;
  • Fortalece o coração, diminuindo os níveis de LDL (famoso colesterol “ruim”) e atuando na dilatação dos vasos sanguíneos, além de diminuir a pressão arterial;
  • Combate os radicais livres, fortalecendo pelo, cabelo e unhas;
  • Previne doenças degenerativas (como Alzheimer ou Parkinson);
  • Possui o dobro de ferro se comparado ao espinafre;
  • Fortalece a imunidade;
  • Gera saciedade;
  • Ajuda na limpeza (famoso “detox”) do organismo por meio da aceleração do metabolismo;
  • Rica em fibras;
  • Para as mulheres, a Spirulina é uma boa aliada para aliviar os sintomas de tensão pré-menstrual;
  • Controla diabetes;
  • Alivia a rinite;

Como consumir a Spirulina? Veja duas receitas:

A Spirulina pode ser consumida em pó ou em cápsulas.

No caso do pó, aconselha-se a misturá-la em sucos, vitaminas, sopas ou iogurtes. Para quem quer utilizá-la no preparo de refeições sólidas, ela pode ser adicionada em massas de bolos e panquecas.

Então, vamos mostrar duas receitas saborosas para usar a Spirulina:

Vitamina de Banana com Spirulina:

  • Ingredientes:

    1. Uma banana congelada;
    2. Mamão, maçã ou outra fruta de sua preferência, congelada ou não;
    3. Uma colher de Spirulina;
    4. Leite vegetal;
    5. Gelo.
  • Modo de preparo:

    1. Bata todos os ingredientes no liquidificador;
    2. Ao atingir o ponto desejado, desligue e finalize com alguma calda doce saudável ou o que queira adicionar em sua vitamina, pois ela ficará cremosa ao ponto de sorvete.

Panqueca doce com Spirulina:

  • Ingredientes:

    1. 3 ovos;
    2. 3 colheres de farelo de aveia;
    3. 1 colher de Spirulina.
  • Modo de preparo:

    1. Bata os ovos até ficar ao ponto de preparo para omelete;
    2. Adicione a aveia e bata até misturar bem;
    3. Adicione a Spirulina e siga o mesmo procedimento da aveia;
    4. Despeje parte da massa em uma frigideira antiaderente ou untada com óleo de coco e frite a massa dos dois lados;
    5. Siga o mesmo passo com o restante da massa até finalizar;
    6. Após feitas as massas, você pode finalizar com banana e pasta de amendoim ou alguma calda doce de sua preferência.

Portanto, como podem ver, a Spirulina é um superalimento e bem versátil de se consumir.

Então, não deixem de inclui-la em sua lista de compras e deixem seus comentários dizendo se já utilizou ou pretende utilizá-la e compartilhe!

Leonardo Silva Aguirre



Quer deixar um comentário?

Seu e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados *