Macarrão Branco ou Integral – Qual é Melhor para Saúde



Saiba aqui qual tipo de macarrão é o mais saudável.

Tarde de domingo é sempre igual: a família se reúne para comer aquele almoço saboroso e farto preparado pelos mestres cucas da família. Mas aquele macarrão comum, que tem muito carboidrato, pode ser visto como um vilão do ganho de peso e até como maléfico à saúde. É nessa hora que entram as versões integrais, que prometem benefícios à saúde e redução no ganho de peso. Mas será que somente a troca da massa de macarrão comum pela massa integral vai fazer tanta diferença para a nossa saúde?

Segundo a nutricionista Clarissa Fujiwara, a diferença para a saúde não é alta, pois a quantidade de fibras ingeridas não difere muito quando comparamos a massa branca ou a massa integral. Segundo a nutricionista, tudo depende do contexto do dia a dia que a pessoa leva em relação à alimentação. Ainda segundo Fujiwara, em cada porção de 100 gramas de massa, a troca da massa branca pela integral traz apenas 2 gramas de fibras a mais, pois 100 gramas de massa comum tem 1,9 grama de fibras contra 3,9 gramas na massa integral. A nutricionista exemplifica que uma pessoa que tem uma necessidade diária de fibras de 30 gramas vai ter um aumento de apenas 6% com a troca pela massa integral. A chave, segundo ela, é a ingestão de outros alimentos em conjunto, como verduras e legumes.



Outra especialista que corrobora com as informações de Clarissa é a nutróloga Karen Gusmão, do Hospital Samaritano. Ela diz que quando uma pessoa está se alimentando bem, de forma balanceada, a troca do tipo de massa não faz muita diferença na dieta da pessoa. Uma dieta equilibrada, segundo ela, seria composta por minerais, vitaminas, fibras e outros tipos de alimentos. Essa dieta rica torna praticamente desnecessária a troca pela massa integral. A nutróloga enfatiza a importância da diversidade do acompanhamento da massa, que é o que realmente faz a diferença para a dieta. Ela diz que o trato intestinal terá melhoria significativa se os acompanhamentos da massa trouxerem muitas fibras.

Mas e o ganho de peso?

Muita gente chega à conclusão da troca para a massa integral devido ao ganho de peso que a massa comum traz. Porém, segundo o Endocrinologista Mario Carra, a substituição não traz muita diferença, pois o Índice Glicêmico da massa integral é parecido com o índice da massa branca, não fazendo muita diferença se o objetivo é perda de peso.



O especialista afirma que o mais importante em uma dieta de perda de peso é a quantidade de calorias que a pessoa ingere na sua alimentação do dia a dia. Por isso, é muito mais relevante o tipo de molho de acompanhamento do que o tipo da massa, pois estes podem ter um maior teor de gordura.

Então, como devo fazer meu macarrão?

Um macarrão pouco calórico e muito saudável vem de um equilíbrio entre a massa e o molho, sendo o último o maior responsável por dietas desequilibradas e muito calóricas. Existem molhos muito gordurosos que precisam ser evitados, como o quatro queijos, carbonara e outros tipos que já vêm prontos. Até mesmo os molhos de tomates precisam de atenção, já que às vezes colocamos açúcar ou outros ingredientes para adicionar sabor, tornando a dieta desequilibrada.

Quanto macarrão devo comer?

O macarrão é um alimento rico em carboidratos, assim como o arroz e a batata doce. O que deve ser evitado é o consumo excessivo. Considerando que a pessoa tem uma alimentação saudável e gosta de comer aquele prato cheio de macarrão e molho, esse prato só pode ser ingerido uma vez por semana. Se quiser comer macarrão por mais dias (3 dias por semana), considere deixar o macarrão ocupar apenas ¼ do prato, com a salada ocupando outro ¼, molho ocupando outro ¼ e espaço vazio no restante.

Por Bruno Rafael da Silva

Outros Conteúdos Interessantes

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *