Por que é preciso aquecer antes de treinar?

Realizar o aquecimento antes do treino é indispensável, pois prepara o organismo em estado de repouso para atividades que exigem mais esforço do metabolismo. O benefício mais conhecido é a diminuição do risco de lesões, mas a importância do aquecimento vai muito além. Veja a seguir.

Previne lesões

O aquecimento prepara as estruturas utilizadas no treino, incluindo músculos, tendões e ligamentos, melhorando a sua elasticidade. Por isso, a prática é eficiente na prevenção de lesões ou rupturas.

Prepara o organismo para atividade física

O sistema muscular não é o único que importa, para realizar um treino de qualidade, todo o corpo precisa estar preparado, incluindo o sistema respiratório, sistema esquelético e circulatório.

O aquecimento atua aumentando a frequência respiratória, os batimentos cardíacos, circulação sanguínea fornecendo sangue oxigenado para todo o organismo.

Aumenta eficiência da atividade física

Realizar o aquecimento também é importante para melhorar a eficiência do exercício, melhorando os movimentos, a força muscular e potencializando os resultados. Isso ocorre, pois o aquecimento melhora a circulação sanguínea nos músculos, além de aumentar sua temperatura, facilitando os processos químicos responsáveis pela contração muscular.

Ameniza dores e desconfortos

Durante os primeiros segundos da atividade física as células musculares utilizam respiração anaeróbica (sem oxigênio) para produção de energia. Essa fase termina assim é acionado a respiração aeróbica, que utiliza oxigênio para a produção de energia até o final da atividade física.

Durante a respiração anaeróbica as células musculares produzem ácido lático, uma substância que causa endurecimento muscular e o desconforto comum no início do treino.

Aí vemos a importância do aquecimento, que funciona como um aviso ao metabolismo, diminuindo o tempo para acionar a respiração aeróbica. Consequentemente diminuindo a produção de ácido lático e amenizando o desconforto e a sensação de queimação ao realizar os exercícios.

Prepara as articulações

O aquecimento também prepara as articulações que irão trabalhar durante a atividade física, aumentando a produção de líquido sinovial, substância que protege a articulação de desgastes. Além disso, gera um aumento na amplitude articular (capacidade de movimentação da articulação), favorecendo a realização dos movimentos durante o treino.

Existem dois tipos de aquecimentos com funções um pouco diferentes, mas com a mesma importância. São eles.

Aquecimento Geral

Esse tipo de aquecimento tem objetivo de preparar o corpo inteiro para a prática de exercício físico, aumentando o metabolismo e gerando aumento no fluxo sanguíneo, respiratório e a temperatura do organismo. Para isso, é preciso realizar exercícios que utilizam grandes grupos musculares por um período de 10 a 15 minutos, aumentando a intensidade gradativamente. Alguns exemplos de aquecimentos gerais são:

  • deslocamento lateral: movimentar-se de um lado para o outro, dar grandes passos é a melhor maneira de evitar impacto nas articulações;
  • corrida sem deslocamento: fazer os movimentos imitando uma corrida, mas sem sair do lugar;
  • Polichinelo: abrir e fechar os braços enquanto pula abrindo e fechando as pernas simultaneamente.

Aquecimento específico

Esse tipo de aquecimento deve ser realizado após o aquecimento geral, deve trabalhar a musculatura que será utilizada no treino. Por exemplo, no dia de treino de perna o aquecimento específico deve trabalhar os membros inferiores. Os objetivos desse tipo de aquecimento são melhorar a coordenação motora para movimentos específicos, promover alongamento e preparação das articulações, prevenir lesões e rupturas.

Seguindo com o exemplo do treino de pernas, uma boa opção de aquecimento específico é realizar o mesmo exercício do treino, porém com uma carga bem menor e com mais repetições. Dessa maneira, os grupos musculares são preparados para realizar os movimentos com as cargas mais pesadas.

Compartilhe

Posts Recentes

Como o sal pode afetar drasticamente o organismo

Na trajetória humana, poucos elementos foram tão valiosos quanto o sal, chegando a ser utilizado… Leia Mais

Qual o segredo para ter noites de sono restauradoras?

Descubra como a escolha certa de colchões, roupas de cama e um ambiente acolhedor podem… Leia Mais

Drinks refrescantes com hortaliças para o Verão

O verão traz consigo um clima que pede bebidas refrescantes e momentos de descontração. Para… Leia Mais

Liofilização é uma revolução na conservação de alimentos

O que é a Liofilização e como ela transforma os alimentos? Você já se deparou… Leia Mais

Incentivando hábitos saudáveis através de ideias criativas para crianças

Promover a alimentação saudável em crianças é um desafio constante para muitos pais e educadores.… Leia Mais

O que é a MonkeyPox e quais os sintomas comuns?

Monkeypox é uma doença infecciosa viral que ocorre principalmente em áreas da África Central e… Leia Mais